Informações gerais   Histórico   Pergutas e respotas   Logos e papéis de parede


O Canadá fala ao mundo »

A voz do Canadá de 1945-1955 »

O serviço internacional em transição 1955-1961 »

Um sinal mais potente »

Novo financiamento, novo nome 1968-1971 »

Uma radio de alcance mundial 1971-1991 »

A Fênix resnasce das cinzas 1991-1995 »

Ondas curtas e mais »

O Canadá fala ao mundo

No dia 25 de fevereiro de 1945, foi ao ar um novo programa internacional de radio. Vários países estavam em guerra, mas uma promessa de paz despontava no horizonte. Numa época sombria, onde entretanto ainda havia esperança, a voz do primeiro-ministro W. L. Mackenzie King dava as boas vindas aos ouvintes desse novo programa transmitido em ondas curtas, que pretendia divulgar o Canadá e sua ótica sobre o que acontecia no mundo. Nascia assim o serviço internacional da Radio Canadá, atualmente conhecido como Radio Canadá Internacional.


Edifício da Radio-Canada em Montréal

A idéia de criar uma radio internacional no Canadá nasceu em 1930. Vários estudos encomendados pelo Conselho de Administração da CBC (Sociedade Radio Canadá) indicavam que o Canadá precisava de um serviço de rádio que apresentasse ao mundo o ponto de vista canadense. No começo dos anos 40, essa necessidade também era identificada por uma serie de comissões parlamentares sobre a transmissão de radio. Finalmente, em 1942, o primeiro ministro King anunciou que o Canada ia dar inicio a um serviço de radio transmissão em ondas curtas dirigido aos membros de suas forças armadas, com notícias e programas de entretenimento do país. O serviço internacional da Radio Canada se concretizou com a assinatura de um despacho oficial no dia 18 de setembro de 1942.

A implantação do novo serviço foi um longo e árduo trabalho, que se estendeu pelos próximos dois anos e meio subsequentes. Uma das primeiras dificuldades a serem contornadas foi a decisão de onde instalar seus estúdios e centro de transmissão. Os estúdios foram instalados no edifício da Rádio Canadá em Montreal, enquanto que o centro de transmissão foi implantado em Sackville, no Novo Brunswick. Montreal era o lugar ideal para instalar os estúdios porque a Rádio Canadá já tinha ali um centro de produção muito ativo, assim como vários apresentadores de língua inglesa e francesa disponíveis para animar os programas. Sackville foi escolhida depois de uma análise meticulosa sobre as relações de rádio entre Canadá e Europa. Durante o ano de 1943, dois transmissores de 50 KW e uma rede de antenas foram construídas.


Os transmissores de Sackville (N.-B.) em 1945

No final de 1944, o equipamento de produção e os transmissores estavam prontos para os testes de difusão. Esses testes, que começaram no dia 25 de dezembro de 1944, foram transmitidos em francês e inglês para as tropas canadenses na Europa. Apesar dessas difusões serem apenas um teste dos transmissores, uma pequena audiência fiel composta de militares canadenses e europeus começou a se formar. Os testes prosseguiram por mais dois meses, até que os transmissores e seus contatos com os estúdios estivessem prontos para um serviço efetivo. No começo de 1945, anunciou-se que o serviço internacional da Rádio Canadá estava pronto. Ele foi inaugurado oficialmente no dia 25 de fevereiro.

A seguir: A voz do Canadá de 1945-1955

História publicada no documento escrito por Andrew K Finnie para a Rádio Canadá (1996)





Primeira página - Podcasting
Horários e frequências - Relatório de recepção - Rádios associadas
Comunicados - Quem somos? - Entre em contato
 
Direitos de reprodução e difusão reservados
Radio Canada International